Na condição da maior câmara binacional da Flórida, a BACCF (Brazilian-American Chamber of Commerce of Florida) tem sempre procurado renovar seus quadros de associados. Mais do que isto, tem procurado injetar renovação nas posições de liderança, a fim de manter-se atualizada e de braços abertos à chegada de novos membros.

Uma dessas novas lideranças é Guilherme Gatti, que assumiu o cargo de presidente da BACCF durante a Feijoada da Câmara, evento simbólico que serve como confraternização de começo de ano e cerimônia de posse para o novo comandante dessa importante organização facilitadora de negócios entre Brasil e Estados Unidos, e que tem forte atuação há quase 40 anos.

Gatti é vice-presidente de Customer Experience Operations da FedEx. Filiou-se à BACCF em 2014 a convite de Marilyn Blanco-Reyes, vice-presidente jurídica da empresa de transporte de encomendas, e que já exerceu o cargo de presidente por dois mandatos consecutivos. No final do ano passado, ele aceitou o desafio e a responsabilidade de comandar a tradicional entidade.

FedEx incentiva presença de seus executivos em câmaras binacionais

A presidência confirma a política participativa da FedEx. Gatti explica: “A FedEx participa de algumas câmaras bilaterais, principalmente nos países da América Latina onde operamos. Em Miami, participamos ativamente da BACCF, mas também somos membros de outras instituições que promovem negócios e o desenvolvimento econômico e social, tanto na Flórida quanto em países da América Latina. Alguns exemplos são a Beacon Council e a Council of the Americas. A FedEx nos apoia, pois entende que a participação ativa em instituições que promovem comércio bilateral é também benéfica para os nossos negócios na América Latina”, conclui.

A BACCF é a maior câmara de comércio bilateral do estado da Flórida. Ela conta com quase 40 anos de existência e tem mais de 300 associados. A câmara produz mais de 50 eventos por ano que ajudam associados a promover comércio e negócios, gerando conhecimento e networking. Entre os objetivos do novo presidente está a expansão do quadro de associados: “Temos mais de 300 associados e esperamos aumentar nossa base em pelo menos dois dígitos percentuais. Essa é a nossa meta para 2020”, promete Gatti.

“A BACCF promove uma série de eventos flagship, como o Independence Gala, o Excellence Award, a Feijoada, entre outros, que permitem aos associados fazerem networking e promoverem suas marcas patrocinando-os. No road show e seminário Como Fazer Negócios nos Estados Unidos, a câmara promove o incremento do comércio e dos negócios entre a Flórida e o Brasil, educando e preparando executivos para que tenham sucesso em seus empreendimentos. As grandes oportunidades estão na geração de valor aos associados e em novas alianças estratégicas que possam expandir a presença e a agenda de eventos”, explica Gatti.

Novidades da BACCF para 2020

Este ano, a câmara promoverá novas séries de seminários e encontros para gerar ainda mais valor aos associados, conforme revela Gatti: “O Leadership Series trará líderes executivos de várias áreas – marketing, jurídico, finanças e RH – que falarão sobre os desafios de gestão de negócios no Brasil. A série de seminários de inovação em negócios (Business Innovation) será implementada em parceria com a Babson School of Management e tratará de temas relevantes para os profissionais que buscam entender e expandir soluções inovadoras em seus negócios”. 

Mesmo sendo um executivo atarefado, o novo presidente da acredita ser possível, com planejamento antecipado, cumprir uma agenda previamente definida de eventos e conta para isso “com  a dedicação do nosso board e do staff da BACCF, que sempre produzem resultados impecáveis”. 

Em relação ao cenário econômico, Gatti avalia que o ano de 2020 começou com boas projeções de crescimento e com uma expectativa de aumento no comércio bilateral entre Brasil e Estados Unidos. Isso implica um aumento no trânsito de pessoas e produtos nos principais aeroportos e portos do país, especialmente na Flórida. Ele cita números para embasar seu otimismo: “Em 2018, o comércio entre Brasil e Flórida atingiu mais de $20 bilhões, o dobro do valor comercializado entre Florida e China, que foi em torno de $10 bilhões. A Flórida representa aproximadamente 29% do comércio entre Estados Unidos e Brasil ($70.66 bilhões em 2018) e mais de mil companhias possuem sua matriz para América Latina baseada na Flórida”. Gatti acredita em um crescimento paulatino no futuro próximo: “Os resultados também podem melhorar, à medida que forem sendo criados novos mecanismos que auxiliem e promovam o empreendedorismo internacional, especialmente relacionados ao crédito e às questões tributárias e de logística”.

O paulistano Guilherme, casado e sem filhos, adora Miami Beach, onde mora. Fã da prática de esportes, tem como hobby ler, ir ao cinema e a restaurantes. Ele até sugere algumas opções de lazer para os moradores e turistas da cidade: “Na minha lista de melhores lugares para conhecer estão os restaurantes Milos, Pubbelly Sushi, Joe Stone Crab e as diversas opcões do ‘Time Out’, além do bar do Hotel Standard, todos em Miami Beach”.